Requisitos de entrada e circulação na Ilha Norfolk

A partir do dia 1ยบ de julho de 2016, o Departamento Australiano de Imigração e Proteção de Fronteiras assumirá responsabilidade sobre as atividades de imigração e de alfândega na Ilha Norfolk.

Chegadas e partidas internacionais da Ilha Norfolk

Todos os estrangeiros que chegam ou que saem da Ilha Norfolk, estarão sujeitos às exigências da imigração Australiana de acordo com a Lei de Migração Australiana de 1958 e as Normas de Migração de 1994.

  • Os cidadãos australianos serão obrigados a ter um passaporte nacional/documento de viagem válido
  • Os que não são cidadãos serão obrigados a ter um passaporte/documento de viagem válido, bem como um visto válido para atender às exigências para entrar na Austrália

A partir de 21 de maio de 2017, a Air New Zealand não realiza mais voos diretos entre Auckland e a Ilha Norfolk.

Viagens domésticas entre a Ilha Norfolk e o continente australiano

As viagens entre a Ilha Norfolk e o continente australiano serão classificadas como voos domésticos, no entanto, as companhias aéreas continuarão realizando a partida nos terminais internacionais. Portanto, todos os passageiros são obrigados a cumprir com as formalidades aduaneiras ao sair e ao retornar à Ilha Norfolk e ao continente australiano, onde suas identidades serão verificadas em relação à documentação de viagem.

  • Um passaporte válido ainda é a melhor opção e é o método de identificação mais recomendado para todos os estrangeiros, bem como para os cidadãos australianos
  • Outros documentos de identificação com foto válidos são os emitidos pelo governo australiano, como: carteiras de motorista, documentos de identidade ou um documento oficial que comprove sua identidade
  • Os menores (sem identidade) podem viajar acompanhados de um adulto que tenha a documentação adequada 
  • Aos menores não acompanhados (sem identidade) serão exigidas informações dos pais ou responsáveis que serão registradas no verso do cartão de partida para auxiliar na verificação da identidade no processo aduaneiro

Qualquer pessoa que viajar sem portar um passaporte válido ou um documento de identificação com foto experimentará atrasos nos processos aduaneiros e podem sofrer outras consequências em isenção de impostos e emergências.